• Telefone: (15) 3225-5253
  • Telefone: (15) 3225-5254

Escolha certa para compressores: sintético ou mineral?

Os compressores são fundamentais para a indústria, pois são equipamentos projetados para comprimir fluidos e transformá-los no estado gasoso. Geralmente, são utilizados para a higienização, perfuração, testes de pressão, apitos e buzinas, fornecimento de água potável, entre outros. 

Por ser tão importante, o compressor não deve ficar sem um bom óleo que assegure sua lubrificação – o que vai assegurar o bom funcionamento da máquina. Com ele, é possível minimizar os riscos de impactos e ruídos, proteger contra corrosão e ainda ajuda no processo de refrigeração e limpeza.

Mas para que tudo isso seja possível, é fundamental fazer a escolha certa do óleo para compressor. Afinal, o que é mais indicado – o óleo sintético ou o óleo mineral? A resposta você encontra aqui, neste artigo especial que nós da Ecolub preparamos para você. Confira!

Por que utilizar óleo para compressores?

Os compressores, como vimos anteriormente, são altamente úteis na indústria – independente do setor. E como seu funcionamento é contínuo, sua lubrificação precisa estar em dia e com o produto adequado.

Com isso, você aumenta o tempo de vida útil da máquina, sem precisar fazer manutenção antes do tempo. Dentre os tipos de óleo presentes estão o mineral e o sintético. 

Óleo mineral para compressores

Derivado do petróleo cru, este tipo de lubrificante para compressores é indicado a máquinas que atuam em altas temperaturas – e por isso são mais utilizados em compressores alternativos (de pistão). Esse equipamento necessita de um óleo de qualidade, pois seus cilindros se movimentam rapidamente, atingindo altas temperaturas. 

Óleo sintético para compressores

Os óleos sintéticos apresentam mais benefícios que o óleo mineral – o que justifica a diferença de preço. Por ser um produto que possui características físico-químicas, ele possui várias categorias, como:

  • PAO: o óleo poli-alfa-olefinas é muito parecido com o óleo mineral, mas com mais viscosidade e melhor performance sob temperaturas elevadas – além de menor volatilidade.
  • Ésteres: consegue atuar com alta produtividade em temperaturas altas e baixas.
  • PAGS: os poliglicóis são indicados para compressores de extrema pressão.
  • Silicone: boa resistência em ambientes que atingem altas temperaturas.

Como escolher o óleo para compressor ideal

O primeiro passo é consultar o manual do equipamento, para entender qual tipo de lubrificante é o mais adequado. Isso é muito importante, pois caso você utilize um lubrificante incompatível, você poderá causar sérios problemas à máquina, o que pode refletir em grandes prejuízos para a sua empresa. 

Depois, a recomendação para escolher corretamente o óleo para compressor é levar em conta dois fatores importantes – o tipo de gás a ser comprimido e o tipo de compressor utilizado.

Conhecer seu equipamento a fundo vai te ajudar a fazer a escolha certa. Além disso, é fundamental que se escolha um produto de uma marca de confiança, para assegurar de que aquela substância foi formulada de forma adequada.

Aqui na Ecolub, nossos óleos para compressores são produzidos com alta segurança e qualidade – sem deixar de lado o compromisso com o meio ambiente. Conheça toda a linha de produtos e peça agora mesmo um orçamento!

Deixe uma resposta

Your email address will not be published.

You may use these <abbr title="HyperText Markup Language">html</abbr> tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

*